8 de fev de 2009

Para ti formosa

Para ti formosa, o meu sonhar de louco e o dom fatal que desde o berço é meu.
Mas se o canto da lira achares pouco, pede-me a vida por que tudo é teu!
Se rires,rio, se chorares, choro
E bebo o pranto que rolar-te a tez!
Casimiro de Abreu

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...