17 de jul de 2011

Champagne





Champagne
Champagne per brindare un incontro
Con te che già eri di un altro
Ricordi c'era stato un invito:
"stasera si va tutti a casa mia"


Cosi cominciava la festa
E già ti girava la testa
Per me non contavano gli altri
Seguivo con lo sguardo solo te


Se vuoi ti acompagno, se vuoi
La scusa più banale
Per rimanere soli, io e te


E poi gettare via e perché
Amarti como sei
La prima volta, l'ultima


Champagne per un dolce segreto
Per noi un amore proibito
Ormai resta solo un bicchiere
E dun ricordo da gettare via


Lo so, mi guardate lo so
Mi sembra una pazzia
Brindare solo senza compagnia


Ma io, io devo festeggiare
La fine di un amore
Cameriere, champagne!


Champagne
Champagne para brindar um encontro
Com você que já era de um outro
Você se lembra? Houve um convite:
"Esta noite vamos todos para minha casa!"


Assim começava a festa
E já te girava a cabeça
Pra mim, não contavam os outros
Eu seguia com os olhos somente você


Se quiser eu te acompanho
A desculpa mais banal
Para ficarmos sozinhos, eu e você


E depois jogar fora os porquês
Amar te como é
A primeira vez, a última vez


Champagne por um doce segredo
Para nós um amor proibido
Agora resta somente um copo
e uma lembrança a ser jogada fora


Eu sei, olham para mim
Me parece loucura
Brindar sem companhia


Mas eu, eu devo festejar
O fim de um amor
Garçon, champangne

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...