9 de nov de 2012

Vire o rei…


Nada nesta vida vem de graça. E dizem que isso é a graça do negócio. 
Por isso, para se dar bem nas áreas de sua vida que interessam mesmo – a saber: no trabalho, nas redes sociais você tem que se dedicar. 
Consultamos especialistas em cada um desses temas e pedimos a eles que listassem as coisas mais importantes que devem ser feitas para que um sujeito seja realmente bem-sucedido. Veja aqui como virar um rei.
…no trabalho

Siga as regras de onde você trabalha Toda empresa tem regras e horários que devem ser seguidos. Sempre. Se for se atrasar, avise seu chefe. Se precisar faltar, avise seu chefe – com antecedência.

Seja educado com todos Não é só o seu chefe que você precisa tratar bem, mas também quem está abaixo de você e quem está no mesmo cargo. “É preciso ter controle e saber respeitar o outro”, diz a psicóloga especialista em relações de trabalho Lizandra Kimie Arita.

Cuidado com erros de português Não sabe como escrever uma palavra? Procure em um dicionário. Ative o corretor ortográfico do seu e-mail e mesmo assim releia tudo o que você escrever.

Faça networking Conheça as pessoas com quem você trabalha, descubra interesses em comum. Seja simpático, participe de almoços e happy hours – e, claro, não exagere no álcool.

Faça mais do que esperam Se um cliente ou seu chefe pedirem um projeto, não se contente em atender ao pedido. Ofereça mais. “Isso surpreende as pessoas e faz com que elas acreditem mais no seu potencial”, diz Lizandra.

Atualize-se Não importa ter feito a melhor faculdade do mundo se você nunca mais fez nada. Inscreva-se na pós-graduação e em cursos da sua área. E também saia da sua zona de conforto, aprenda sobre as outras áreas da empresa

Tenha exemplos Preste atenção nas pessoas bem-sucedidas ao seu redor, as mais cultas. Ouça o que elas têm a dizer, pergunte sobre suas experiências, peça auxílio quando necessário. Não as inveje. Ao contrário: siga o exemplo delas.
…nas redes sociais

Use e abuse delas Twitter, Facebook, Instagram e afins podem render enormes vantagens em todos os campos de sua vida: profissional, social, sexual.

Escolha a melhor rede Se você é bom com frases curtas, use o Twitter. Se acha que é melhor falar com as pessoas, o Facebook é melhor. Se curte vídeos, vá ao YouTube. Fotos? Instagram. E se o seu negócio é desenhar, tente a Deviantart, que reúne o trabalho de vários ilustradores.

Escolha seu personagem Você tem de ser um pouco “personagem de si próprio” nas redes sociais. Tem humor ácido? Faça posts meio cínicos. Entende muito de algum assunto? Escreva sobre ele. Mas não invente um ser muito diferente do original. “Antes de sair bancando o humorista no Twitter, pense se você consegue manter esse personagem”, afirma Luli Radfahrer, professor de Comunicação Digital na ECA-USP e autor do livro Enciclopédia da Nuvem.

Conserve sua vitrine “Sempre pense o que você tem que possa interessar a outras pessoas e mantenha-se atualizado sobre o assunto que você quer tratar”, explica o professor Luli.

O virtual é real Tenha noção do que você posta. Pense se você falaria o que você quer postar em voz alta. Se não é algo que você possa bradar, delete

Interaja com pessoas influentes… Siga pessoas interessantes e influentes no Twitter e estabeleça contato com elas. Quanto mais coisas bacanas você postar, maior a chance de elas retuitarem. Assim, seu perfil ganha relevância

…E também com as normais Não esqueça de responder às perguntas de seus seguidores ou amigos. Comente posts que acha interessante

Limite a quantidade de posts Cuidado para não virar um spammer – aquele chato da internet

Fale com poucas pessoas no chat “Ao falar com várias pessoas ao mesmo tempo, você corre o risco de mandar o que não devia para a pessoa errada e gerar um estresse desnecessário”, diz Pollyana Ferrari, consultora em mídias sociais e professora da PUC-SP.
COISAS PROIBIDAS
1 Não infle seu ego: ninguém quer ver os seus músculos apertados em uma camiseta.
2 Não saia marcando seus amigos, você não sabe onde eles falaram que estariam para as mulheres deles.
3 Seu namoro é só seu: nada de ficar postando milhares de “eu te amo, xuxuzinho”.
4 Ser um pouco polêmico pode até atrair atenção, mas ficar discutindo com todo mundo que tem opinião contrária a você é perda de tempo.
5 Você sai por aí dando cantada nas mulheres que encontra no metrô ou na rua? Pois as redes sociais também não são para isso. Claro, se você achou uma amiga de escola que continua gata, chame-a no bate-papo reservado para conversar.
Camila Ciarallo

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...