27 de nov de 2014

Como a Meditação Transcendental pode melhorar seu dia

40 minutos por dia. Esse é o tempo total necessário para realizar a Meditação Transcendental, técnica que promete combater diversos problemas, como estresse, ansiedade, falta de atenção e criatividade, depressão, pouco foco no trabalho, enxaqueca e até problemas cardíacos.
O resultado, segundo praticantes, vem em poucos dias (5 já são suficientes) e, por isso, pessoas de várias áreas, desde o setor empresarial até o artístico, têm aderido ao hábito. Entre os nomes famosos que empunham a bandeira da meditação estão a apresentadora Oprah Winfrey, o cineasta David Lynch, o músico Paul McCartney, os atores Hugh Jackman, Julia Lemmertz, Rodrigo Santoro e Cissa Guimarães, e o premiado judoca Flávio Canto.
Empresas como Farmoquímica, Shell e Lemgruber estão entre as que já disponibilizaram a técnica para os funcionários, com foco no aumento de produtividade e de qualidade de vida dos trabalhadores.
De acordo com Klebér Tani, educador físico e diretor da Sociedade Internacional de Meditação no Brasil, a atividade foi criada oficialmente pelo guru Maharishi Mahesh Yogi, com quem aprendeu a técnica. O brasileiro ressalta que não há ligação com religião, crença ou filosofia de vida, nem exigências de mudanças de hábitos de vida ou de alimentação.
“A Meditação Transcendental é uma técnica milenar que veio da Índia e que, hoje, tem muito respaldo científico. Mais de 1.400 publicações científicas mostraram os benefícios”, afirma. A atividade, segundo ele, é uma forma de autoconhecimento, que diminui a excitação mental, o estresse e a tensão, proporcionando benefícios para pessoas de diferentes perfis e faixas etárias, desde crianças até idosos.
Diferentemente de outros tipos de meditação, não é preciso ter um elevado controle mental ou “esvaziar” a cabeça para praticar. “É uma técnica extremamente fácil. Você não tem que lutar contra os pensamentos”, diz.
O especialista dá aulas sobre o tema há mais de 30 anos e, nos dias 29 e 30 de novembro, vai dar o workshop “Ayurveda, Meditação Transcendental e Saúde”, no Polo de Pensamento Contemporâneo, no Rio de Janeiro. Lá, ele explicará o potencial da prática, sua relação com a medicina ayurvédica, e ensinará uma técnica de relaxamento, diferente da meditação. 
Mas, apesar de não ser de difícil realização, para aprender a praticar a meditação transcendental, é necessário um pouco mais do que um final de semana. Segundo o Tani, a técnica só pode ser assimilada por meio de um curso, que costuma durar uma semana, com e acompanhamento de um professor por três meses.
Essa orientação é importante porque, além de passar as informações gerais sobre a técnica, o professor faz uma analise personalizada do indivíduo, para que o método esteja de acordo com suas necessidades particulares. Ao fazer uma anamnese, perguntando hábitos e outros dados, o guia passará à pessoa um mantra pessoal, que deverá ser entoado mentalmente durante a meditação.
O ideal é fazer em duas sessões de 20 minutos, preferencialmente antes das refeições, com o estômago vazio. Não é preciso estar em um lugar silencioso, nem se sentar na posição de “flor de lótus”, e até o caminho para o trabalho pode ser uma oportunidade para meditar (se não estiver dirigindo, claro).
Veja abaixo alguns dos principais benefícios já apontados pelas pesquisas:
- Redução da arterosclerose
- Pressão arterial mais baixa
- Redução do colesterol
- Redução da insuficiência cardíaca
- Diminuição da depressão
- Diminuição dos radicais livres
- Menor ansiedade
- Redução da insônia
- Redução do estresse e rápida recuperação do estresse
- Redução na dor
- Aumento de inteligência, criatividade e habilidade de aprendizagem
- Melhor eficiência e produtividade
- Reversão do envelhecimento precoce e maior longevidade
- Funcionamento cerebral em níveis mais elevados
- Redução do abuso de substâncias
- Redução de comportamento criminoso e de conflitos
- Melhor comportamento na escola
Luciana Carvalho

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...